Autores

Minha foto
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
AULA PARTICULAR DE INFORMÁTICA INICIANTES E 3ª IDADE. Aulas em domicilio e on-line, totalmente práticas. Aprenda Word, Excel, Internet, Enviar e receber e-mail, Facebook, Skype e muito mais. Área de Atendimento:Zona Sul RJ Para confirmar disponibilidade do local e horários entre em contato: 21 96853-2720

Aluguel apto de 1 e 2 quartos temporada Copacabana.

Meus anúncios na OLX

sábado, 6 de agosto de 2011

Garçons invadem orla de Copacabana para corrida no domingo; veja dicas






A 10ª Corrida dos Garçons, evento beneficente que acontece neste domingo (7), na praia de Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro, em frente ao Rio Othon Palace, promete unir os profissionais do ramo para que eles possam mostrar suas habilidades com a bandeja fora dos restaurantes.
Normalmente, cerca de 180 pessoas vestem suas roupas de trabalho e vão para a batalha. Mas não a de todos os dias, entre mesas e cadeiras. A "luta", desta vez, vale uma premiação em dinheiro - R$1.000, R$900 e R$600 - para os três primeiros lugares, respectivamente.
Além disso, a competição é um momento de união da classe, em comemoração ao Dia do Garçom, que será comemorado na próxima quinta-feira (11).
Para participar, os profissionais da área interessados devem levar 2 kg de alimento não perecível ao local da corrida. No final, todo o alimento recolhido será encaminhado ao Inca (Instituto Nacional do Câncer).
A disputa acontece da seguinte forma: os organizadores dividem o número total de participantes em grupos de 10 garçons. De cada grupo, os dois primeiros colocados vão para a semifinal. O percurso tem 150m e o mais importante é não derrubar o conteúdo da bandeja, que são duas latas de refrigerante, uma de cerveja e uma garrafa de ice, até o ponto de chegada.
Quem pensa que a disputa é só para os homens, está enganado. Lá, não há preconceito ou vantagens no que diz respeito ao sexo dos participantes. Uma bateria é composta apenas por mulheres e, os dois primeiros lugares vão direto para a grande final, ao lado dos homens.
O evento, segundo o diretor e ex-presidente do Sigabam (Sindicato dos Garçons, Barmens e Maîtres do Rio de Janeiro), Waltair Mendes Rodrigues, começou com uma ideia de trazer para o Brasil o que já acontecia em outros países.
- Nós nos espelhamos em corridas de diversos países e, como único representante da categoria no Brasil, o Sigabam decidiu organizar este evento, que acontece uma vez por ano e próximo ao Dia do Garçom, para comemorar e até mesmo incentivar estes profissionais.
José Rodrigues de Oliveira, garçom há 18 anos e atual maître do restaurante Porção, do Flamengo, na zona sul do Rio, participa da corrida desde 2003 e nunca conquistou o primeiro lugar, apesar de sempre chegar colado ao campeão. Mesmo assim, segundo ele, a motivação e vontade só aumentam a cada ano.
- Eu nunca ganhei, mas não desisto e procuro me preparar da melhor forma, cada vez com mais vontade de vencer. Meus treinos são feitos em uma área de lazer no restaurante onde trabalho. O que mais me motiva a continuar tentando é que se trata de um evento beneficente. Por mais que eu não vença, sei que vou poder ajudar outras pessoas.
Para ele, ainda mais importante do que o equilíbrio com as bandejas, é o equilíbrio emocional.
- Eu acho que o equilíbrio emocional e a tranquilidade são mais importantes na hora da corrida. Segurar a bandeja nós já estamos acostumados, mas, no momento da partida, o coração acelera. Por isso, precisamos nos concentrar para não deixar nada cair, pois não adianta chegar em primeiro lugar e derrubar alguma bebida, o que desclassifica o participante.
Em entrevista ao R7, o atual campeão, Juliano de Alcântara, garçom há cinco anos no Skylab Bar, restaurante do Rio Othon Palace, em Copacabana, contou que resolveu participar da corrida por ser um evento beneficente, além de ser uma festa pelo Dia do Garçom. Para os interessados em competir, o ganhador de 2010 deu dicas de como ter velocidade e, ao mesmo tempo, manter o equilíbrio.



Fonte: R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários:

Lembramos que não somos responsáveis por nenhum evento/produto que por ventura esteja sendo mencionado. O que está escrito na caixa de comentários é gerado pelos próprios usuários e expressam suas próprias opiniões. Reservamos-nos ao direito de apagar qualquer comentário, sem aviso prévio, caso julguemos necessário para o bom funcionamento desse blog.

APOIO